2ª VIAconta água
Home do Site SAAE Pedreira

Setor Operacional

(19) 3853-3105

(19) 3852-3508

Setor Administrativo

(19) 3852-4653

(19) 3852-4654

Resumo

Atualização do Portal

20/08/19 23:00h

NOTÍCIAS & OBRAS

DICAS DO USO RACIONAL DA ÁGUA TRATADA

terça, 16 de setembro de 2014

FONTE: SANEPAR

 

Feche a torneira

Ao lavar as mãos ou a louça, não deixe a torneira aberta todo o tempo. Isso evitará que vários litros de água tratada sejam desperdiçados.

Hora do banho

Seja rápido no banho. Cada 5 minutos embaixo do chuveiro ligado consomem aproximadamente 70 litros de água.

Basta um copo

Para escovar os dentes é necessário apenas um copo de água. Evite deixar a torneira aberta.

Use a vassoura

Antes de lavar a calçada, use vassoura. Jamais use a água da mangueira para “varrer” a sujeira.

Economia

Diminua as descargas. Regule periodicamente a válvula hidra ou a caixa de descarga.

Lavando roupa

Junte roupas para lavar todas de uma só vez. Aproveite a água usada no tanque ou na máquina para lavar calçadas.

Tá Pingando!

Os maiores ladrões de água são vazamentos, torneira pingando e descarga desregulada. Faça manutenção regularmente.

Carro limpo

Use baldes, e não a mangueira, para lavar o carro. Seu automóvel fica limpo e a economia pode chegar a 300 litros de água.

Fazendo a barba

Não faça a barba com a torneira aberta o tempo todo. Use a água somente para molhar e enxaguar o rosto.

Tá na mão

Lavar as mãos com a torneira aberta o tempo todo causa um grande desperdício. Ao ensaboar as mãos, deixe a torneira fechada.

Reaproveite

A água do último enxágue das roupas, no tanque ou na máquina, pode ser usada para ensaboar tapetes, tênis, cobertores, pisos e calçadas.

Gaste menos
Ao lavar a louça, encha a cuba de água e deixe-a fechada. Evite deixar a torneira aberta, enxágue a louça toda ao final da lavagem. Assim, o gasto de água é bem menor.

Lixo no lixo

Nunca jogue cigarros, absorventes ou papéis no vaso, porque há maior consumo de água para mandar esse lixo embora.

Viajou? Fechou

Quando viajar, feche o registro do cavalete de entrada de água, evitando desperdícios e vazamentos.

Comente e participe:


SAAE faz reparo na rede de água

sexta, 12 de setembro de 2014

Um hidrante, situado na Rua Cezira de Queiroz, ficou aberto, na sexta-feira, 12 de setembro, por um determinado tempo, o que foi perceptível e deixou a população preocupada. Comerciantes das proximidades entraram em contato com o SAAE, para que se tomassem as devidas providências.
O diretor do SAAE, José Moretti Neto, lembra que “o hidrante foi aberto pela própria equipe do SAAE, para diminuir a pressão de água, já que havia a necessidade de conserto na rede, nas proximidades da Rua XV de Novembro com a Rua Antonio Pedro. O SAAE efetua a abertura do hidrante para agilizar os trabalhos de manutenção na rede de água e evitar a falta de água no Setor por muito tempo”.
É importante destacar que quando se faz reparo na rede é necessário que se libere a água dos hidrantes. Primeiro, para que se possa escoar toda a água e permitir o reparo no local que foi danificado. Depois, para que não se acumule sedimentos como cascalho, pedras e outros detritos que podem interferir na pressão da válvula do hidrante.
Vale ressaltar ainda, que se não houver nenhuma intervenção nas redes próximas aos hidrantes, a cada seis meses é fundamental que as águas sejam liberadas. É a recomendação técnica da lavagem da rede de hidrantes, para remover possíveis sedimentos, que obscurecem as torneiras domésticas. Além disso, ajuda a liberar os detritos e verificar a função e pressão da válvula do hidrante.
Quando somente da limpeza da rede de hidrantes, há registros de quedas temporárias na pressão da água nas residências do entorno. Muitas vezes, ela é realizada tarde da noite ou de manhã cedo, para minimizar os transtornos aos moradores.

Comente e participe:


Prefeito pede que SAAE avalie estado de conservação das caixas d’água tipo taça

quinta, 11 de setembro de 2014

Após verificar o avançado tempo de uso da Caixa D’água, que atendia parte dos moradores do Bairro Limoeiro, o prefeito de Pedreira Carlos Pollo, determinou que o SAAE fizesse vistorias, se necessário implementasse as melhorias urgentes e em caso de danos mais significativos, a retirada do Reservatório. Pediu, entretanto, que o abastecimento dos munícipes não fosse prejudicado.
No último dia 4, essa Caixa D’água do Limoeiro, com aproximadamente 20 anos de utilização, foi retirada. De acordo com o diretor-operacional da Autarquia, Nelson Antonio Cremasco, para que não haja prejuízos no abastecimento, o SAAE instalou na rede um “buster” que garantirá a distribuição de água aos moradores, sem a necessidade da reposição de um novo Reservatório no local, de imediato. O equipamento é automatizado, o que facilita o manejo e distribuição de água para as residências.
De acordo com os técnicos do Serviço Autônomo de Água e Esgoto – SAAE, a Caixa D’água que atendia também a parte alta do Portal do Limoeiro tinha capacidade para 25 metros cúbicos.
“Realizamos esta troca para o aprimoramento e eficiência de nosso sistema. O “buster” irá promover a pressurização constante da rede de abastecimento de água”. Não há material infinitamente resistente. Todos eles irão apresentar problemas de corrosão ou de desgaste diante da ação do tempo. Qualquer anomalia nas caixas de água não significa que é normal. Deve-se levar em consideração que pequenos sinais podem ter efeitos graves na estrutura em pouco tempo. Tem de se dar a importância que cada caso mereça” apontou o prefeito Carlos Pollo.
O SAAE informa ainda que, já há um cronograma para a retirada da próxima Caixa D'água: é uma do tipo Taça, instalada no Parque Bela Vista e que dá suporte no atendimento aos moradores do local. Em uma das ruas, da parte alta do Parque Bela Vista, também vai ser instalado um “buster”, que vai manter o abastecimento normalmente, pois não há necessidade da instalação de um novo Reservatório.
Amanda dos Reis – Jornalista
Assessoria de Comunicação – (ASCOM – Prefeitura de Pedreira)

Comente e participe:


Instalação de um Reservatório Metálico Tubular Vertical Capacidade útil de 200m3

segunda, 08 de setembro de 2014

O SAAE de Pedreira, após o processo de Licitação, contratou uma empresa especializada para fornecimento e instalação de um Reservatório Metálico Tubular Vertical com capacidade útil de 200 m³, no CDHU Pedreira “D2” - Conjunto Habitacional Luiz Broglio, Rua Julio Castelo, nº 149, no Bairro Jardim Andrade, cidade de Pedreira, Estado de São Paulo.
O valor da obra de R$92.800,00, foram concluídos em Julho de 2014 para atender as necessidades de abastecimento de agua potável ao Bairro.
O acompanhamento desta obra foi feito pelos técnicos do SAAE de Pedreira.

Comente e participe:


Moradores ajudam o SAAE Pedreira a economizar 68 milhões de litros de água

quarta, 03 de setembro de 2014

Mesmo sem implantar o racionamento, mas adotando medidas restritivas ao consumidor que desperdiçar água, o SAAE de Pedreira conseguiu, com a ajuda voluntária dos pedreirenses, que aderiram aos apelos do uso racional, economizar, de janeiro a julho de 2014, 68 milhões e 77 mil litros de água.
A multa aos moradores que desperdiçam água foi imposta para evitar a adoção do racionamento no Município. De acordo com a direção da Autarquia, o consumo foi reduzido em 27,71% neste período.
A multa de mais de 400 reais é aplicada em quem é flagrado lavando a calçada, vidraçaria ou o carro ou ainda molhando o jardins com mangueira. A multa ocorre após o ato ser flagrado e fotografado. Mas há de se parabenizar a maioria da população que compreendeu rapidamente a gravidade da crise e colaborou ativamente, diminuindo o consumo.
Segundo o prefeito Carlos Pollo, apesar da possibilidade da multa, o SAAE tem optado por ações educativas. Por enquanto, a população tem entendido e colaborado. Isso ajuda a prevenir a implantação do racionamento no Município ."Se não controlar esses tipos de abuso (desperdício), a cidade toda pode ser prejudicada”, destacou o prefeito.
“É muito bom tem o retorno da Comunidade. Essa contrapartida do poder de fechar as torneiras demonstra a ação responsável da maioria dos moradores, que inclusive apoiou as medidas restritivas – como a multa - para reprimir o desperdício e reduzir o consumo voluntariamente. É triste ver diariamente nos jornais que Cidades vêm adotando medidas drásticas devido a falta de água para captação. Por isso, estamos atentos para evitar um desabastecimento mais grave no futuro. A Região vive uma das piores estiagens da história”, salientou o prefeito Carlos Pollo.
O diretor do SAAE José Moretti Neto diz que o exemplo deve partir de casa. “Há meses o SAAE deixou de utilizar de mangueiras para lavar a calçada e a vidraçaria da sede do orgão. Quem fiscaliza e pede para se economizar não pode fazer uso inadequado da água”.
Sidenei Defendi – Jornalista
Assessoria de Comunicação – (ASCOM- Prefeitura de Pedreira)

Comente e participe:


Projeto de Conscientização ‘SOS Jaguari’ retira três toneladas de lixo e entulho

quarta, 03 de setembro de 2014

A Prefeitura Municipal de Pedreira, em parceria com o Grupo de Proteção Ambiental Mingo Orlandi, promoveu no sábado, 30 de agosto, o Projeto de Conscientização ‘SOS Jaguari’, contando com a participação das Secretarias Municipais de Cultura, Educação, Meio Ambiente, Planejamento, Promoção Social, Saúde, Segurança e Serviços Urbanos.
A concentração dos voluntários e técnicos da Administração Municipal aconteceu nas dependências do Boulevard da Vila São José, que também recebeu espaços dedicados para aferição de pressão, Campanhas de combate a dengue e febre maculosa. “O Projeto foi apresentado ao prefeito Carlos Pollo que aprovou a iniciativa e colocou sua equipe para que viabilizasse sua realização”, destacou na oportunidade o Secretário de Planejamento, Allan Rodrigo Alves.
A retirada dos resíduos do leito do Rio Jaguari foi coordenada pelo Grupo de Proteção Ambiental Mingo Orlandi Reflorestamento, através de seu presidente Pascoal Loner. “Nosso principal objetivo é conscientizar todos os cidadãos para que não poluam o leito e as margens do Rio Jaguari. Durante a ação de hoje retiramos cerca de 3 toneladas de material e há muito mais. Convidamos a todos para estarem conosco neste trabalho tão importante de preservação do Meio Ambiente, que vai ter sequência”, ressaltou Pascoal Loner.
A Secretaria Municipal de Agricultura, Abastecimento e Meio Ambiente realizou o plantio de 20 mudas de árvores de espécies nativas. “Nas margens do Rio efetuamos o plantio de mudas de Ingá, Sangra d’água, Pau Pólvora, Pau Cascudo, Embira de Sapo, além de outras doadas pelo senhor Mingo Orlandi, patrono do Grupo de Proteção Ambiental”, informou o secretário Geraldo Luis Nalon.
O prefeito Carlos Pollo, durante mensagem deixada aos voluntários e participantes, lembrou que com a estiagem prolongada e a baixa vazão ficou visível a quantidade de materiais depositados no leito do rio e a limpeza foi um socorro importante que se deu ao Jaguari. “Essa ajuda vai reduzir a poluição das águas e o trabalho não irá parar, pois iremos desenvolver uma Campanha de Conscientização, através dos meios de comunicação. A luta em favor do Meio Ambiente é de suma importância, conto com a colaboração e a participação dos pedreirenses”, enfatizou o prefeito Professor Carlos.
A Secretaria Municipal de Cultura promoveu uma série de apresentações especiais durante a ação ambiental, com a participação Academia Ophicina da Dança, Souldart, Corporação Musical Sant’Ana, Alunos do Curso de Violão do Centro Cultural, e Ministério do Rap em Louvor – Efésios 2.
Glauco Mazzetto – Jornalista MTB 35022
Assessoria de Comunicação – ASCOM
Prefeitura Municipal de Pedreira

Comente e participe:


12

 

 

DIGITE SEU E-MAIL E RECEBA NOVIDADES!
OK