2ª VIAconta água
Home do Site SAAE Pedreira

Setor Operacional

(19) 3853-3105

(19) 3852-3508

Setor Administrativo

(19) 3852-4653

(19) 3852-4654

Resumo

Atualização do Portal

20/08/19 23:00h

NOTÍCIAS & OBRAS

ARES-PCJ atesta: é de qualidade a água distribuída aos moradores da Rua Issa Camasmie e adjacências

quarta, 05 de outubro de 2016

A Agência Reguladora - ARES PCJ realiza com frequência o monitoramento da qualidade da água tratada e distribuída aos pedreirenses. As análises têm sido intensificadas, pois é uma excepcional ferramenta para o acompanhamento da qualidade dos serviços prestados, uma vez que os Municipios também fazem análises próprias diáriamente. Essas avaliações acabam sendo uma fonte de bons comparativos.
O prefeito de Pedreira e o diretor-geral do SAAE-Pedreira foram informados, através de oficio – o nº 848/2016, de 2 de agosto de 2016, pela ARES-PCJ – Agência Reguladora dos Serviços de Saneamento das Bacias dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí – sobre os resultados do Relatório de Ensaio nº 5247.2016.U-V.0, originado pela coleta de água realizada em julho de 2016, na Rua Issa Camasmie, altura do nº 51, na área central. Como de costume, os técnicos desenvolveram os trabalhos em dias e horários incertos, para que o parecer tivesse total eficiência, retratando a realidade da qualidade da água consumida pelos moradores do local. Submetida à análise de laboratório especializado, a água coletada não apresentou nenhuma irregularidade nos parâmetros avaliados, atendendo plenamente a Portaria 2.914, de 11 de dezembro de 2011, do Ministério da Saúde, no que tange aos padrões de potabilidade. A água que abastece os moradores da Vila Canesso está livre de poluentes e agentes químicos nocivos, que inviabilizem sua utilização, indicou o Relatório de Ensaio.
As amostras coletadas passam por exames físico-químicos e microbiológicos. Nestas análises são apreciadas a cor, turbidez, fluoretação, cloro residual, quantidade de coliformes totais e fecais entre outros. O último diagnóstico da ARES-PCJ – se deu através de coletas de amostras na Rua Issa Camasmie, altura do nº 51, na área central, em 14 de julho de 2016, às 17h, temperatura ambiente de 18 graus, com chuva ausente naquele momento e nas 24 horas anteriores - sol brilhante e vento ausente.
A análise feita pela ARES-PCJ ratifica os resultados das análises próprias que os técnicos do SAAE Pedreira realizam diariamente no Laboratório próprio ou em Laboratórios terceirizados. O fato da ARES-PCJ atestar a qualidade da água distribuída à população pedreirense dá ainda mais tranquilidade e certeza de que o trabalho que se realiza na Autarquia é de qualidade.
Destaque-se que o Monitoramento da Qualidade da Água – da ARES-PCJ - analisa parâmetros físicos, químicos e biológicos, com a finalidade de fornecer subsídios ao controle da poluição das águas, auxiliando o SAAE na implementação de medidas cabíveis, quando necessárias. Os dados e informações obtidos também são fundamentais para subsidiar tecnicamente a elaboração/reformulação de estudos. De modo geral, desde a implementação do serviço de monitoramento, a qualidade da água distribuída à população, em todos os pontos do Município, vem se mantendo dentro dos Padrões de Potabilidade, evidenciando que o serviço realizado pelo SAAE, assim como suas avaliações estão sendo desenvolvidos a contento.
“A água que chega aos consumidores deve atender aos padrões de potabilidade estabelecidos pela legislação. Por isso, o SAAE, responsável pelo serviço de abastecimento de água da Cidade tem de manter um controle da eficiência do processo de tratamento. Esse trabalho da ARES-PCJ dá total credibilidade aos serviços que se desenvolve desde a captação, passando pelo tratamento e chegando às torneiras dos consumidores. Os laudos mensais enviados pela ARES-PCJ - que realiza a coleta e os ensaios - comprovam a qualidade da água tratada em Pedreira”, salientou o prefeito Carlos Pollo.

Comente e participe:


 

 

DIGITE SEU E-MAIL E RECEBA NOVIDADES!
OK